segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

LUZES DE NATAL - LISBOA

E como não podia deixar de ser , terminei esta minha ronda de LUZES DE NATAL na cidade que me viu nascer - LISBOA.

Ao contrário do que tem sido talvez " habitual " nos últimos anos , as luzes de Natal da capital portuguesa estavam este ano e na minha opinião MUITO FRACAS.
Muito se comentou sobre as famosas bolas coloridas no Terreiro do Paço , mas nem mesmo estas nem as luzes das ruas mais movimentadas conseguiram aquecer o já frio coração natalício dos " alfacinhas".

Ainda me lembro dos anos em que se faziam autênticas romarias ao centro da cidade após o jantar, para se ver os enfeites de Natal que nessa época enchiam as ruas da baixa
Este ano , as poucas pessoas que encontrei comentavam a tristeza que as luzes lhe ofereciam.

Desde o mamarracho instalado no centro do Rossio , que sinceramente não consegui entender para que servia , até ao azul forte que enfeita o topo dos edifícios tudo parece feio e sem gosto.

De todas as zonas da baixa lisboeta , as únicas que me fizeram parar e ter o trabalho de tirar a máquina do saco foram :

O ELEVADOR DE SANTA JUSTA , um dos símbolos da cidade de Lisboa , viu-se este ano coberto de luzes azuladas no seu topo e vestido a rigor em toda a sua altura.







segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

LUZES DE NATAL - OEIRAS

E porque todos os ditados são verídicos este não foge à regra " Em casa de ferreiro espeto de pau".
E isto para dizer que afinal , percorri tantos quilómetros para ver algumas luzes de Natal em outras cidades e vilas e quando tentei ver algumas na minha , olha fiquei quase a olhar para o boneco , neste caso para a pobre Canon ( passe a publicidade ).
Então não é que o meu Presidente , Dr. Isaltino Morais , não teve tempo para tratar destas coisas menos importantes da iluminação de Natal , e deixou não sei em que mãos esta tarefa menos significativa e o resultado foi ou é , aquilo que tive a oportunidade de ver ou neste caso não ver.

Bem , comecei por onde seria normal cá pelo burgo , ou seja , na vila de Oeiras junto á Igreja Matriz e até comecei bem pois o Presépio aí instalado fazia prever outros arranjos bonitos nas ruas do centro. Senão vejam !!!!!



Prometia não prometia ??????



Mas a realidade final foi outra , pois caminhando um pouco pelo centro desta bela vila de Oeiras, verifiquei que nenhuma das iluminações aí existentes chegava aos mínimos para me obrigar a tirar a tampa da objectiva e tentar focar automáticamente algum motivo.
Desculpem, e em abono da verdade , não posso sequer comparar as iluminações do ano anterior com as deste ano , já que não as vi no ano passado , mas caro Sr. Dr. Isaltino , as iluminações estão mesmo miseráveis.
As únicas que na minha opinião ainda escapam e mesmo assim não muito , são :



O edifício da Câmara Municipal de Oeiras , onde um simples letreiro de " Festas Felizes " e uns quantos pares de luzes de Natal ( se calhar compradas em algum chinês ) são o ornamento deste Natal. Até que o efeito destas luzes colocadas nas janelas não está muita mal , mas por favor , é muito pouco para um concelho como o de Oeiras.

Mais bonito e com um efeito de chuva , está o Palácio do Marquês de Pombal , onde agora funciona se não estou em erro o Instituto Nacional de Administração ou algo assim. Esta é a imagem que se obtêm desde o Jardim do Marquês de Pombal.



E com muita pena minha , não existe nada mais para mostrar de Oeiras. Gostava de deixar aqui um mensagem ao Sr. Dr. Isaltino Morais , Dignissimo Presidente da Câmara Municipal de Oeiras só para lhe dizer que para o próximo ano tenha um pouco mais de atenção a esta época do ano , pois nós os residentes no concelho começamos a ficar fartos de " rotundas " e começamos a necessitar de algo que começe a dar-nos prazer ao olhar.



domingo, 14 de dezembro de 2008

LUZES DE NATAL - FARO

E a perseguição ás luzes de Natal levou-me até à capital Algarvia .
Pelo que por lá pude ouvir , as iluminações de Natal dos últimos anos não foram famosas , nem pela quantidade nem pela qualidade apresentada, logo havia uma expectativa bastante alta para este ano , mas felizmente para todos as expectativas superaram os desejos e creio que pelos comentários que fui ouvindo , esta iluminação tem enchido de orgulho os farenses.
De facto o Centro da bela cidade algarvia tem vindo ao longo dos anos a perder visitantes tanto locais como turistas, que, como sabemos cada vez mais fogem ao reboliço dos grandes centros urbanos, e talvez seja este ano que a cidade os vá recuperando com esta iluminação e consequente centro de interesse.

Este ano e após muitos protestos da população farense , a Baixa vestiu-se de belas cores para comemorar o natal de 2008.



E começamos pelo presépio, símbolo desta quadra natalícia , e este ano bem cuidado com as imagens limpas e bem coloridas e colocado no final o Jardim Manuel Bivar , o que permite aos visitantes começar a observá-lo ao longe ,enquadrado pelas luzes que enfeitam o próprio jardim.
Esperemos que este ano , como em muitos outros , não roubem o Menino Jesus.

Também o antigo Coreto , mandado erigir por volta de 1894/5 , teve honra de iluminação em tons de laranja que chama a atenção que bem merece.



Uma árvore de Natal em tons de azul , preenche a Pontinha, lugar também muito concorrido de Faro. A instalação de uma pista de gelo para os mais corajosos , trouxe também uma animação e uma aventura diferente a pessoas que habitualmente têm o calor e o Sol como companhia habitual.È muito concorrida e está sempre cheia de crianças , adolescentes e alguns " cotas" a tentarem manter-se em pé o maior tempo possível. Mas também não deixarei de referir que alguns já se movem com bastante destreza em cima destes patins afiados.



Nas outras ruas da Baixa , a iluminação é feita através de tons azuis e vermelhos , sendo que os motivos vão sendo diferentes de rua para rua. È de salientar uma decoração redonda cheia de estrelas e pequenos pontos luminosos que descem devagar e dão uma idéia de estar a nevar



E para terminar esta pequena curta e rápida viagem pela capital algarvia, gostava de vos deixar com o lugar que mais gostei, onde existe uma meia Lua com uma estrela, que parece dizer a todos qual o caminho a seguir ou a direcção a tomar. Não que esta direcção nos leve a algum lugar especial , não certamente que não , pois essa meia lua quase que nos diz que o caminho de ida é o caminho de volta . VOLTEM SEMPRE



PARABÉNS FARENSES





sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

LUZES DE NATAL - LOULÉ

O Natal é uma época também muito propícia a umas saídas nocturnas , não só para fazer compras e neste caso nos Centros Comerciais , mas também para passear nas cidades vilas e aldeias que através das luzes e enfeites de Natal animam , alegram e fazem com que os seus naturais e não só venham até á rua mesmo fazendo frio.

Bem eu foi o que fiz , num destes fins de semana de frio e chuva decidi agarrar na máquina e no tripé e sair neste caso a Sul para fazer umas chapas de algumas luzes de Natal.

Um dos locais que ao passar ao longe me chamou muito a atenção foi a " Ermida de Nossa Senhora da Piedade ou Mãe Soberana " em Loulé. Lugar muito especial aquando da sua festa maior , onde milhares de peregrinos acompanham a imagem até esta ermida através de uma longa subida íngreme e perigosa , carregada em ombros por homens fortes e que fazem desta missão uma honra enorme.

Hoje não encontrei essa multidão do dia de festa , mas sim um lugar quase solitário , envolto em silêncio e muito iluminado por luzes azuis na sua cúpula maior.




O final de dia chuvoso convidava a uma visita á Igreja onde a imagem da Mãe Soberana se encontra e a uma curta estadia para absorver a paz e a tranquilidade daquele lugar , em conjunto com uns quantos felizardos que por ali se encontravam em oração.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

VIVO LOGO VIAJO

Claro que para se fazer alguma coisa é necessário estar pelo menos vivo , logo uma das formas mais apaixonantes de ocupar a vida é claro viajar , por isso Vivo logo Viajo.

Este pequeno sitio neste mundo global de informação e desinformação será um lugar para partilhar com alguns as minhas experiências , sensações e visões de muitos quilómetros feitos na estrada da vida.
Claro que em primeiro lugar virão as sempre fascinantes viagens , com os relatos e as fotos , mas certamente também haverá lugar para outros assuntos quiçá tão importantes quanto este vício viciante e gostoso que são as viagens.

Vamos aguardar e ver afinal o que esta experiência me dará.

Abraço a todos e voltem sempre

J.Paulo